2304AFIMERJ se reuniu com a Presidente do TCE/RJ.

Sra. Marianna Montebello, para apresentação da nossa entidade de classe, colocando a associação à disposição do corpo técnico do Tribunal. O intuito é, em parceria, fortalecer a Administração Tributária de cada município fluminense, e, consequentemente, incrementar a fiscalização e arrecadação municipal.

2108AFIMERJ vem a público parabenizar o Município de Rio Bonito.

A Associação dos Auditores e Fiscais Tributários Municipais do Estado do Rio de Janeiro (AFIMERJ) vem a público parabenizar o Município de Rio Bonito pela nomeação do Fiscal Tributário de carreira Renato Poubel para o cargo de Secretário Municipal de Fazenda. Sabemos da capacidade desse servidor para realizar uma excelente gestão na administração tributária. Ademais, a sua nomeação vai ao encontro do que é defendido por esta associação, na busca por um Fisco Municipal eficiente e livre de interferências políticas.

1108Reunião em Nova Iguaçu com a presença da Vice-presidente.

Reunião em Nova Iguaçu com a presença da Vice-presidente da Região Metropolitana da AFIMERJ, Jane Pasquinelli Castello, do Sub-secretario de Fazenda e Auditor Fiscal, Luiz Fernando Fonseca, do Presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais (SINDAFIT-NI), Eli Emanuel, de membros da Diretoria e de Auditores. Problemas enfrentados pelos auditores de Nova Iguaçu:
1) Cálculo da aposentadoria, perda de valores para quem sai da ativa;
2) Promoções desatualizadas, o processo que solicita estas atualizações está parado desde 2012 precisando avançar;
3) Base de cálculo das gratificações, triênios não incidem sobre a produtividade;
4) Necessidade de melhorias nas condições de infraestrutura e suporte tecnológico, de pessoal de apoio e técnico;
5) Plano de saúde satisfatório;
6) Novo concurso público para auditores e pessoal de apoio;
7) Apoio técnico na gestão do sindicato.
É necessário novo encontro para ampliar e detalhar estas demandas.

0906Foi criada a AFIMERJ.

Com o surgimento desta Entidade, além de fortalecer a carreira do Fiscal Tributário, através de uma Administração Tributária melhor estruturada, o Fisco Municipal pode, ao mesmo tempo, garantir os recursos que pagam todos os serviços públicos essenciais, desenvolver políticas públicas de inclusão e diminuição das desigualdades sociais, combater a sonegação e formas correlatas de corrupção e, inclusive, evitar que prefeitos e secretários incorram em renúncia de receita com possibilidade de perda de mandato, ressarcimento ao erário e suspensão dos direitos políticos.
A AFIMERJ, de âmbito estadual, abrange todos os municípios do Estado do Rio de Janeiro, que são Angra dos Reis, Aperibé, Araruama, Areal, Armação de Búzios, Arraial do Cabo, Barra do Piraí, Barra Mansa, Belford Roxo, Bom Jardim, Bom Jesus de Itabapoana, Cabo Frio, Cachoeiras de Macacu, Cambuci, Campos dos Goytacazes, Cantagalo, Carapebus, Cardoso Moreira, Carmo, Casimiro de Abreu, Comendador Levy Gasparian, Conceição de Macabu, Cordeiro, Duas Barras, Duque de Caxias, Engenheiro Paulo de Frontin, Guapimirim, Iguaba Grande, Itaboraí, Itaguaí, Italva, Itaocara, Itaperuna, Itatiaia, Japerí, Laje do Muriaé, Macaé, Macuco, Magé, Mangaratiba, Maricá, Mendes, Mesquita, Miguel Pereira, Miracema, Natividade, Nilópolis, Niterói, Nova Friburgo, Nova Iguaçu, Paracambi, Paraíba do Sul, Paraty, Paty do Alferes, Petrópolis, Pinheiral, Piraí, Porciúncula, Porto Real, Quatis, Queimados, Quissamã, Resende, Rio Bonito, Rio Claro, Rio das Flores, Rio das Ostras, Rio de Janeiro, Santa Maria Madalena, Santo Antônio de Pádua, São Fidélis, São Francisco de Itabapoana, São Gonçalo, São João da Barra, São João de Meriti, São José de Ubá, São José do Vale do Rio Preto, São Pedro da Aldeia, São Sebastião do Alto, Saquarema, Seropédica, Silva Jardim, Sumidouro, Tanguá, Teresópolis, Trajano de Moraes, Três Rios, Valença, Varre-Sai, Vassouras e Volta Redonda.